Hospital Cardiológico Costantini forma mais uma turma de residentes em Cardiologia

Evento também comemorou os 15 anos do programa de residência oferecido pela instituição

Na última semana, o Hospital Cardiológico Costantini realizou a formatura de mais uma turma da Residência em Cardiologia. A graduação foi comemorada em um tradicional restaurante de Curitiba (PR), onde houve a entrega dos certificados e um jantar de encerramento.

Há 15 anos formando novos profissionais para atuação humanizada e especializada, a Residência em Cardiologia conta com um programa de dois anos no qual os jovens médicos são estimulados a estagiar em todas as áreas do Hospital, além de realizarem projetos de iniciação científica e participarem de eventos acadêmicos na área cardiológica.

De acordo com o diretor do hospital, Costantino Costantini, este é apenas o início de uma carreira de sucesso, fruto de trabalho e ensino de qualidade. “É uma satisfação muito grande porque passamos dois anos juntos nos quais eles aprenderam muito, pensando sempre no paciente. Este é um orgulho muito grande para nós que há tantos anos formamos novos residentes e que faz com que seja sempre um desafio para o corpo clínico a formação de bons profissionais. Estimulamos que continuem se especializando, pois esta é apenas uma etapa. É um dia muito importante e espero que sejam todos muito felizes”, comentou.

Autorizada pelo MEC, a residência em Cardiologia oferece seis vagas por meio de um processo seletivo em duas etapas, como explica o cardiologista e coordenador do programa, Sergio Tarbine.

“O programa de Residência em Cardiologia do Hospital completa 15 anos com mais uma turma graduada e o desejo de sempre formar profissionais com assistência e dedicação médica humanizadas, além do incentivo à pesquisa. Eles passaram dois anos aprendendo e realizando estágios em diversos setores da instituição, além de contarem com um mês de atuação no InCor. Buscamos sempre atender as demandas dos jovens que buscam um ensino em constante renovação e isso é gratificante para nós”, encerra.